ico Dicas de compra
02/07/2018

Sair do aluguel e conquistar a casa própria pagando menos

compartilhe: icone twitter icone facebook icone messenger icone linkedin icone whatsapp icone email

Sair do aluguel é o objetivo da maioria das pessoas que ainda não tem sua casa própria. No entanto, o que muita gente não percebeu ainda é que esse sonho pode estar mais perto do que se imagina. O financiamento imobiliário para apartamento na planta, por exemplo, tem vantagens que facilitam o pagamento das parcelas. Veja como aproveitar esses benefícios e mudar de vida!

Veja como sair do aluguel financiando imóvel na planta

O imóvel na planta costuma ser mais barato do que o já pronto. No entanto, a grande vantagem para quem quer se livrar do aluguel é que é possível planejar o fluxo de pagamento.

Para isso, no entanto, é preciso dar uma entrada equivalente a 20% ou 30% do valor total do imóvel. Esse dinheiro será utilizado pela construtora para financiar a obra, mas acaba acarretando em outras vantagens.

Uma delas é que, quanto maior a entrada, menor o saldo devedor. Com isso, os juros também acabam sendo reduzidos. A outra é que quando o imóvel está na planta é possível incluir essa entrada no valor das parcelas até a entrada das chaves.

Maior flexibilidade na negociação

Fazer o planejamento certo, portanto, é fundamental. Quando o apartamento está na planta, é possível negociar a compra não só em relação ao valor de entrada, mas também aos aportes anuais e às parcelas intermediárias.

Nessa primeira etapa do financiamento, como a negociação é feita diretamente com a construtora, há maior flexibilidade de condições.

Após a entrega das chaves, começa a segunda etapa do financiamento. O comprador pode então decidir por qual instituição financeira pedir o crédito imobiliário – ou optar por fazer diretamente com a construtora. Nesse caso, a negociação direta também pode ficar mais flexível.

Vantagens de fazer o financiamento ainda durante a construção

Você também pode optar por assinar o contrato de financiamento antes da entrega das chaves. Nesse caso, fica ainda mais fácil sair do aluguel.

  • Saldo financiado fica congelado até a entrega das chaves.

  • O banco acompanha a obra por você.

  • A parcela mensal é conhecida desde o início, sempre com o comprometimento máximo de 30% da renda bruta familiar.

  • Há menos burocracia na hora da compra.

  • A tendência é que o imóvel valorize de 30% a 40% durante a construção.

Parcelas iguais ou menores do que a de um aluguel

Ao financiar um imóvel na planta, você consegue parcelas iguais ou até menores que de um aluguel. A diferença é que você estará comprando o que é seu, investindo seu dinheiro.

Nós da RNI queremos ser seu parceiro na hora da conquista deste sonho. No nosso blog, você tem acesso à informação. Confira no nosso site uma variedade de imóveis na planta com parcelas que cabem no seu orçamento. Venha conversar com um dos nossos consultores.

Receba as nossas novidades de forma exclusiva!

fique por dentro! siga nossas redes sociais: