ico Dicas de compra
25/06/2018

Guia para conseguir financiamento – Agora vai!

compartilhe: icone twitter icone facebook icone messenger icone linkedin icone whatsapp icone email

Achou o imóvel ideal? Com a queda da taxa de juros, este é o momento certo para conseguir financiamento para morar ou investir. De fato, o procedimento tem vários detalhes que precisam de atenção, mas não é tão complicado quanto pode parecer a princípio. Então, entenda como funciona e o que você deve fazer para conseguir financiamento.

Seja realista em relação ao seu orçamento

Para conseguir financiamento, é preciso saber exatamente qual a sua capacidade de pagamento. Mas lembre-se: quanto maior o valor da entrada, menor será o saldo devedor.

Certamente, uma entrada maior também aumenta as chances de aprovação do crédito. Simulações on-line indicam o financiamento mais adequado ao seu perfil.

De outra forma, vale lembrar que as parcelas não podem ultrapassar o teto de 30% da renda familiar bruta.

Comece a escolher seu imóvel

Atenção também à escolha do imóvel. As condições para obter o financiamento podem variar se o imóvel é novo, usado ou na planta. Se for usado e estiver em más condições, pode haver problema, já que os bancos fazem uma perícia local.

Prepare a documentação para conseguir financiamento

Antes de pedir o financiamento, reúna toda a documentação e verifique se está em dia, para não haver qualquer pendência.

Os documentos podem variar de um banco para outro. Mas, geralmente são pedidos originais e cópias de CPF, identidade, e comprovantes de estado civil e renda. E se você for casado, seu cônjuge também deve apresentar a mesma documentação.

Além disso, a comprovação de renda deve ser feita através de extratos bancários, holerite ou mesmo a declaração completa do imposto de renda.

Quem é autônomo também tem mais de uma opção para comprovar renda: declaração do IR; declaração do sindicato da categoria; contrato de prestação de serviço; recibo de pagamentos de serviços prestados; ou Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore), que deve ser feita por um contador.

Ainda, o financiamento de imóvel envolve uma análise cadastral de inadimplentes, por isso, se houver dívida pendente, pague-a antes de pedir o financiamento.

Quando pedir o financiamento

Apartamentos na planta têm algumas peculiaridades. E o financiamento é composto por duas etapas: antes e depois da entrega das chaves. Além disso, durante o período de construção, o comprador paga a entrada e as primeiras parcelas diretamente à construtora.

Realmente, ma vantagem é que a entrada pode ou não estar diluída nas mensalidades, sobre as quais não incidem juros, apenas correção monetária com base no Índice Nacional da Construção Civil (INCC).

Após a entrega das chaves, o comprador deve optar por pagar à vista ou, então, conseguir financiamento. E essa decisão também pode ser tomada antes, já na assinatura do contrato.

Mas se já anda sonhando com a casa nova, não deixe de clicar no post “Quais as vantagens de morar em apartamento novo”! Tem muito mais conteúdo útil para você no nosso blog.

Receba as nossas novidades de forma exclusiva!

fique por dentro! siga nossas redes sociais: