ico Arquitetura e decoração
08/08/2018

Como fazer um jardim, sem precisar de ajuda.

compartilhe: icone twitter icone facebook icone messenger icone linkedin icone whatsapp icone email

Como fazer um jardim: Faça você mesmo em casa.

De fato, todo mundo adora um ambiente com plantas. O verde tem o poder de equilibrar as energias e ainda trazer mais aconchego a um lar. Mas nem todo mundo pode contratar um especialista para cuidar das plantas da casa ou para ensinar como fazer um jardim. Então, reunimos dicas simples que podem ajudar você a começar a entender do assunto:

  • Espaço disponível

Antes de mais nada, é necessário ter noção do espaço que você tem para montar o jardim. Em um amplo espaço, é preferível apostar em plantas de maior porte em vez de ocupar o espaço com muitas espécies. Mas se o espaço for pequeno, escolha plantas de menor porte. Ainda existe a possibilidade de aproveitar espaços verticais. O primeiro passo é escolher onde será montado o jardim da sua casa.

  • Materiais reutilizáveis

Deixe os princípios da sustentabilidade entrar na sua casa. Reaproveitar materiais na decoração do seu jardim traz um resultado criativo enquanto faz você economizar. Inclusive, podemos usar garrafas pet, pneus, pallets e lonas em nossos projeto. Dessa forma, o meio ambiente agradece sua iniciativa.

  • Manutenção

A vida anda muito corrida e talvez você não tenha tanto tempo para se dedicar ao seu jardim. Mas, como fazer um jardim mesmo assim? Fácil. Basta investir em espécies que não demandem tanta manutenção, de forma que você aprenda a fazer a rega e poda do seu jardim.

  • Rega e poda

Hoje em dia, com a Internet, ficou bem mais fácil aprender como fazer um jardim, através de tutoriais em vídeo, por exemplo. Portanto, além das informações no horto que você for comprar suas plantas, pesquise na Internet sobre as características específicas da planta que você comprou. Dessa forma, fica mais fácil saber qual a melhor maneira de cuidar dela.

  • Finalize com pedras

As pedras são decorativas e bem versáteis, e ainda garantem um charme extra ao seu jardim. Assim, é possível substituir uma grande área gramada, ou até mesmo usar pontualmente para dar uma finalização profissional ao jardim.

  • Plantas – saiba escolher

Existe uma variedade muito grande de espécies e tipos de plantas. Aqui vale a dica de focar nas mais tradicionais, que costumam ter um valor mais acessível.

Plantas para dentro de casa:

Árvore-da-felicidade

Os mais supersticiosos acreditam que ter uma dessas em casa promove a harmonia do lar. Existem duas variedades, macho e fêmea. Com um verde escuro, apresenta folhas delicadas e pequenas. Além disso, para ficar viçosa, é bom que esteja em ambientes bem iluminados e longe de vento, ar-condicionado e cigarro.

Palmeira-leque

É perfeita para o cultivo em vasos, pois seu crescimento é lento. Se adapta bem a ambientes amplos e iluminados. Na tonalidade verde brilhante, possui folhas grandes e plissadas. Além disso, é de fácil manutenção, basta remover as folhas secas e adubar no verão. Também não gosta de ventos fortes e ar-condicionado.

Luca

Resistente e escultural, possui folhas longas, rígidas, pontiagudas e com bordas serrilhadas. Fica saudável quando está sendo cultivada em um local com bastante claridade e ventilação. O cuidado aqui é evitar o excesso de água, pois pode provocar o apodrecimento das raízes.

Lança-de-são-jorge

Com folhas em formato cilíndrico, rígido e vertical, são bastante ornamentais. Possui boa resistência, e se adapta a ambientes internos à meia-sombra e luz difusa. Além disso, precisa de pouca água e suporta ambientes com ar-condicionado. Quando trançada, ganha um visual interessante.

Ciclanto

Sem a necessidade de vasos muito fundos, essa espécie possui folhas exuberantes, grandes, largas e com aspecto amassado. Por ser frondosa, seu caule quase não se vê. Ela, também, necessita de bastante umidade. Uma outra dica é proteger o solo com casca de pínus, para que a água não evapore. Se dá bem em ambientes internos à meia-sombra.

Camedórea-elegante

É realmente charmosa, e essa palmeira é uma opção sofisticada para decorar ambientes internos, bem iluminados com luz difusa. Sempre tome cuidado com ambientes com muito vento ou ar-condicionado. Mas o sol direto pode queimar suas folhas, que são longas e brilhantes. Preste atenção nas folhas, se ficarem amareladas é porque a sua planta precisa de mais umidade.

Peperômia

Com folhas pendentes, muito ornamental, de aspecto delicado, são perfeitas para jardins verticais ou vasos suspensos. Além disso, suas folhas possuem formato de coração em tons de verde, com bordas amareladas ou brancas. Também é ótima para o plantio em jardins verticais ou vasos suspensos. Cultivada à meia-sombra, é bastante resistente. É boa para escritórios, cozinhas e áreas de serviço, pois aguenta iluminação com luz fluorescente.

Agora você conhece algumas espécies e como fazer um jardim, que tal se aventurar a seguir esses passos e começar a montar seu jardim? No nosso blog você também aprende a fazer um terrário e encontra outras dicas interessantes de decoração. É só clicar! Boa leitura!

Receba as nossas novidades de forma exclusiva!

fique por dentro! siga nossas redes sociais: